GM Sandro Mareco comenta vitória de Romeo Freitas sobre o MI Jacques Blit

Arquivo PGN

MI Blit,Jacques (2301) – Freitas, Romeu Salvador (2279) [B88]

XI Internacional de São José do Rio Preto.
São José do Rio Preto – SP (7.1), 21.12.2012

[GM Sandro,Mareco]

1.e4 c5 2.Nf3 d6 3.d4 cxd4 4.Nxd4 Nf6 5.Nc3 Nc6 6.Bc4 quando preparamos a partida, não encontramos quase nenhuma partida do MI Blit jogando contra a siciliana dos dois cavalos, porém em una das partidas ele usava a ideia de jogar com Bc4.

6…e6 [6…Qb6 este era o lance que tinhan jogado contra Blit, por isso não sabíamos qual era o plano exato que ele ia a jogar de brancas.]

7.Bb3 Be7 a ideia das pretas é jogar no momento sem a6 para jogar de um jeito diferente da Najdorf , porém a6 também seria perfeitamente jogável.

8.f4 achamos que era provavel que ele jogue com f4 por isso analizamos esta posicao

8…0–0 9.0–0 no comenco esta ideia parecia perigosa porque a ideia das brancas é jogar rapidamente com f5 e tentar aproveitar que o bispo ainda está em c1 para depois de una possível sequencia com f5 as pretas joguem e5 deixando a casa d5 e aproveitar para jogar direitamente Bg5 [9.Be3 este foi outro lance considerado na preparação]

9…Nxd4 10.Qxd4 b6! esta foi a ideia fina encontrada, nas análises era o único jeito que encontramos de aproveitar a ordem das brancas, e aqui as pretas já não estão sem problemas e são as  brancas as que precisam jogar com precisão porque a ideia agora é tentar jogar com um d5 rápido para aproveitar a situação da dama em d4.

11.Kh1 [11.Be3 Ng4 e as pretas estao bem porque se o bispo sair da diagonal, as pretas jogam  d5; 11.Qd3 esta ideia também foi considerada aqui a sugestão do computador e a5 porém, analisando com o Romeo, consideramos que era interessante mas também era possível jogar com Cd7 que era nossa preferência que leva a una posição confortável para as pretas porem ainda é uma posição de muita luta]

11…Ba6 12.Rf3 [12.Rd1 Ng4 esta era nossa ideia porque o problema aqui das brancas é que as peças pretas estão perfeitamente coordenadas e tem muitas ameaças como d5 e Bc5-Dh4 13.h3 d5 14.Na4 Nf6 15.exd5 exd5 esta seria una posição de peão isolado porem muito ativo porque as brancas não tem pleno controle de d4 porque a dama não é uma peca boa para bloquear por outro lado também esta a fraqueza da casa  e4 ,esta mesma posição com o peão em f2 seria aceitável para as brancas]

12…d5 13.e5 [13.exd5 a partida referência da nossa preparação 13…Bc5 14.Qa4 Bb7 15.Be3 exd5 16.Bd4 a6 17.Bxc5 bxc5 18.Rd1 d4 0–1 (18) Stange,S (2144)-Kasimdzhanov,R (2683) Vlissingen NED 2007]

13…Ne4 14.f5? este lance não estava dentro da preparacão porém é um erro [14.Be3 aqui as pretas podem escolher vários lances e em todos tem una posição no minimo igualada que é Bc5,Bb7 ou f5]

14…Bc5 15.Qa4 o problema aqui das brancas é similar ao da partida de Kasimdzhanov. A dama ficou mal localizada na casa a4 [15.Qd1 Qh4! (15…Nf2+ 16.Rxf2 Bxf2 17.f6 a posição seria melhor para as pretas mas as brancas teriam boa compensação prática) 16.Nxe4 dxe4 17.Rh3 Rfd8 com ataque ganhador]

15…Bb7 16.f6 [16.Nxe4 dxe4 17.Rf1 exf5 com boa ventagem para as pretas]

16…a6!! com muito sangue frio as pretas avaliam que não tem nenhuma possibilidade de levar ataque e a localização da dama é terrível para as brancas.

17.Bg5 g6! [17…Nxg5? 18.Qg4 h6 19.h4 esta posição ainda é superior para as pretas mas sem duvidas as brancas conseguem complicar a posição]

18.Be3 b5 19.Nxb5 axb5 20.Qxb5 Ba6 21.Qc6 Qc8 o resto da partida e de muita ventagem negra

22.Bxd5 exd5 23.Qxd5 Qb7 24.Qd1 Bxe3 25.Qe1 Nf2+ 26.Rxf2 Bxf2 27.Qxf2 Qd5 28.Qe3 Bb7 29.Rg1 Kh8 0–1

 

Um comentário em “GM Sandro Mareco comenta vitória de Romeo Freitas sobre o MI Jacques Blit

  • 11 de maio de 2013 a 20:11
    Permalink

    O branco deu muito material hein!

    Muito boa a partida…

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *