GM Mecking no Espaço Xadrez Total !

A simultânea do Grande Mestre Henrique Mecking no Espaço Xadrez Total foi um sucesso !

DSC_0399

Catorze desafiantes tentaram derrotá-lo, mas o recorde persiste por 41 anos. O tempo que o famoso GM não perde em simultâneas no Brasil !

DSC_0484

O evento trouxe muitas curiosidades, e rendeu histórias interesantes.

Antes do início, o congresso técnico, seguido dos tradicionais agradecimentos, e a lembrança que nesta mesma casa onde hoje está situado o Espaço Xadrez Total, o GM jogou sua primeira partida via internet, no ICC, lá pelo idos de 1999.

Mequinho ia provar jogar via internet na casa do enxadrista argentino Emilio Malbran no bairro do Jabaquara, mas quando chegou lá, o prédio inteiro estava sem luz. Restou a opção de vir até onde era – na época – a sede da empresa Comunic, que realizou um Circuito de Magistrais de Norma de MI.

Também foi mencionado por Mauro, que parte da respeitável biblioteca do Espaço Xadrez Total foi doada pelo GM. Dezenas de revistas de xadrez de vários países, principalmente exemplares da famosa revista americana Chess Life !

DSC_0402

Antes de iniciar, um último detalhe. O GM pede que seja substituído um jogo de peças. O único diferente entre os 13 jogos Amazônia ou Staunton. A jovem Teodora Ribeiro Parreira de apenas 11 anos tinha trazido seu jogo preferido, um tradicional Staunton Dubrovnik, mas o GM alegou que poderia se confundir por causa dos detalhes nas pontas das peças. Jogo substituído por uma bela réplica do jogo usado no Match Anand-Carlsen. Tudo resolvido com muita elegância, e compreensão de ambas as partes.

19030340_1388159291278623_6686144248657398921_n

Iniciando 15:15, tínhamos um tabuleiro ainda vazio. O jovem-talento do EXT Mateus Damaceno, 15 anos, maior rating FIDE entre os desafiantes estava atrasado.
Depois de alguma espera, a organização decide fazer um “roque”. O árbitro David Capistrano – imensamente feliz – aceita o convite e ocupa o lugar vazio, para decepção de Mateus, que chegaria minutos depois de iniciada esta última partida.

DSC_0569

Mequinho começou jogando 1. d4 muito rapidamente, mas quando chegou na mesa ocupada por Victor Novais [ex-aluno do AI Mauro Amaral na ESPM] atual diretor de marketing do Espaço Xadrez Total, jogou inexplicavelmente 1 e4 !?
Só percebeu quando já tinha dado a primeira volta…
Novais, vendo sua preparação de aberturas ir para o ralo ainda propôs voltar o lance, mas sob o olhar implacável do árbitro Marcelo Oliveira, a partida seguiu assim…

DSC_0549

Três horas e três minutos depois, 14 vitórias para o implacável GM. O último a resignar foi o jovem representante do Espaço Xadrez Total, Yuri Funayama, 11anos, aluno do AI Marius van Riemsdijk, que foi um dos árbitros da prova, e é o diretor técnico do EXT.

DSC_0437

Ao final da simultânea, um pequeno acidente. O GM Mequinho bateu de leve a cabeça no banheiro gerando um pequeno corte, mas nada que fosse tão preocupante além de um pequeno ponto de sangue.

Ele também esqueceu seu crucifixo no chão, perdido quando foi trocar de camisa. O objeto só foi achado poucos dias depois…

DSC_0421

O Espaço Xadrez Total agradece a todos os amigos, colaboradores e à sua diretoria, que não mediram esforços para que este evento tenha sido realizado com grande sucesso !

Agradecemos também ao Grande Mestre Henrique Mecking, e ao amigo Tiago Pereira Rodrigues, que ajudou nos detalhes antes da simultânea, mas não pôde estar presente no dia do evento.

DSC_0535

DSC_0507

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *