Klaus Gotz comenta partida contra GM Alonso

Visualizador de Partidas – Arquivo PGN

Gotz,K (1933) – Alonso,S (2506) [D10]
Aberto do Brasil Osasco 50 Anos Osasco (2.3), 20.04.2012

Quando decidi jogar o torneio em Osasco, eu não esperava ganhar rating ou pontuar com algum mestre. Meu objetivo no torneio era simplesmente treinar para o Fenaj e pegar ritmo de jogo. Porém para minha felicidade, eu fiz um grande torneio e na minha estreia contra um GM fui feliz e acabei ganhando a partida.

1.d4 d5 2.c4 c6 3.cxd5 cxd5 A Variante das Trocas é uma opção simples, porém a posição se iguala facilmente.

4.Cc3 Cf6 5.Bf4 Cc6 6.e3 a6 7.Bd3 Bg4 8.Cge2 e6 9.a3?! não é uma das principais jogadas, outras opções poderiam ser 9.Db3, 9.o-o, 9.Tc1.

9…Be7 10.0–0 0–0 11.Dc2 Com ideias de Cg3 seguido de h3. Porém 11.b4 poderia ser melhor para jogar Db3.

11…Bh5 12.b4 Tc8 13.Db2 b5 13…Bg6 era melhor, pois obriga a troca do Bispo bom das brancas que é essencial para a defesa da casa c4 que pode ser tornar uma futura debilidade

14.Cc1 Cd7 15.Cb3 Bg6 15…e5 poderia ser uma opção para tentar ocupar a casa c4 rapidamente, 16.Bg3 e4 17.Bc2 Cb6 18.Cc5 Cc4 19.Da2.

16.Be2 Te8 17.Tfd1 Cb6 18.Cc5 Ta8?! Não aparenta ser uma boa jogada, pois as negras estariam perdendo um tempo. Talvez uma melhor opção seria 18…Bxc5 19.dxc5 Cc4.

19.Cxa6 Txa6 20.Bxb5 Cc4 21.De2 Outra opção interessante seria 21.Bxc4 dxc4 22.b5 Tb6 23.Ca4 Tb7 24.Cc5 Bxc5 25.dxc5 Da5 26.a4. Porém as brancas não possuem nada de concreto nesta posição.

21…Da8 O melhor seria 21…Tb6 22.Bxc4 dxc4 23.Dxc4, porém acredito que a peça está muito compensada

22.Bxa6 Dxa6 23.b5 Da5 24.Cxd5 exd5 25.bxc6 Tc8?! Obriga o avanço c7, portanto não aparente ser uma boa jogada.

26.c7 Bxa3? Cravando o próprio Bispo e agora as Branca possuem temas de Txa3.

27.Dg4 Da6 28.Dd7 Da8 29.h3?? 29.Txa3 Cxa3 30.Ta1 +-

29…f6 30.Tdc1 Outra vez tinha Txa3

30…Be8 31.De6+ Bf7 32.Dg4 h5 33.Df5 Te8 34.Tcb1 Be6 35.Dxh5 Dc6 36.Tb8 Bc8 37.Dg6 Bd6 38.Ta6 arrematando a partida.

38…Dd7 39.Bxd6 1–0

7 comentários em “Klaus Gotz comenta partida contra GM Alonso

  • 4 de maio de 2012 a 20:15
    Permalink

    Parabéns ao Klaus pela partida e pelos comentários. Como dizia Botvinnik “devemos publicar nossas análises para que elas sejam avaliadas e eventualmente contestadas!” Klaus foi muito humilde nos seus comentários e acho que o 38.Ta6 merecia duas exclamações. Espero que com a iniciativa do Klaus, outros dos nossos jovens talento tomem coragem e comentem publicamente suas partidas.

    Responder
  • 5 de maio de 2012 a 15:52
    Permalink

    Realmente uma bela partida, erros ?, sempre acontecem, mas a posição já era muito boa. Incrivel a didatica dele já nesta idade!

    Responder
  • 11 de maio de 2012 a 04:53
    Permalink

    Grande resultado do menino Seiji Gotz! E muito instrutiva a análise da partida.

    No final de 2010, por ocasião das Semi Finais do Brasileiro, escrevi em certo ponto da postagem:

    “Por fim, uma partida despertou até mesmo a atenção do autor de ‘Epopéia do Campeonato Brasileiro de Xadrez’, Waldemar Costa (me perguntou: “quem é esse menino? Você sabe de onde ele veio”): o pequeno Klaus Seiji Furucho Gotz (1736) enfrentou o experiente MF Paulo Cesar de Souza Haro (2175), com uma desenvoltura surpreendente.”

    Nessa partida, ele acabou empatando em uma partida a qual estava muito superior, mas o
    MF Haro encontrou um empate por repetição de diagramas.
    No mesmo torneio, venceu a fortíssima WFM Vanessa Feliciano – que havia empatado com GM Fier, rodadas antes.

    Parabéns ao jovem Seiji, não apenas pelo xadrez que pratica,mas também pela educação que possui!
    Sucesso e boa sorte!

    Responder
  • 12 de maio de 2012 a 01:04
    Permalink

    O menino pode realmente vir a ser um grande jogador a depender de seus treinos futuros. O surpreendente é ver um GM de 2505 de ranting jogar tão mal, sem querer é óbvio tirar os méritos do vencedor.

    Responder
  • 19 de junho de 2012 a 18:25
    Permalink

    Parabéns Klaus!! Belíssima partida. Várias jogadas brilhantes!!! Torcemos por você!

    Responder
  • 5 de julho de 2012 a 20:22
    Permalink

    Essa nova geração enxadrística continua surpreendendo cada dia mais e mais. Meus sinceros votos de sucesso na carreira enxadrística de Klaus.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *