MF Álvaro Aranha comenta partida Bacrot x Fier

(1) Bacrot,Etienne (2704) – Fier,Alexandr (2603) [D44]

Grand Prix Pyramides FFE Le Port-Marly/France (2.1), 08.01.2012

Visualizador de PartidasArquivo PGN

[MF Álvaro Aranha]

Na minha recente retrospectiva para o Xadrez Total, afirmei que Fier motivado tem 2700 de força. Na partida que segue, ele mostra isso batendo um jogador de 2700 como quem bate em uma criança indefesa. Não sei se Fier aguentará a maratona de partidas que se propôs a jogar, mas, seu recente torneio na França mostra que ele com a moral alta enfrenta os tops de igual pra igual. Espero que os dirigentes de São Paulo e Santa Catarina entrem em acordo e não privem as crianças de nenhum dos 2 estados de ver esse artista do nosso tabuleiro! Fiquem com o show!

1.d4 Nf6 2.c4 e6 3.Nf3 d5 4.Nc3 c6 Por inversão de lances estamos na desfesa semi-eslava.

5.Bg5 dxc4 Entrando na sanguinária variante Botvinnik. Fier costumairamente entra na chamada variante Moscow com h6.

6.e4 b5 7.e5 h6 8.Bh4 g5 9.Nxg5 hxg5 10.Bxg5 Nbd7 11.g3 Bb7 [11…Rg8 12.h4 Rxg5 13.hxg5 Nd5 14.g6 fxg6 15.Qg4÷ É uma outra variante que muda o caráter da posição. Fier com seu lance resolve continuar na linha mais complicada.]

12.Bg2 Qb6 13.exf6 c5 14.d5 0–0–0 15.0–0 b4 16.Na4 [16.Rb1!? É a outra tentativa básica nessa posição. 16…Qa6 (16…bxc3? 17.bxc3 Qa6 18.Rxb7 Qxb7 19.dxe6+-) 17.dxe6 Bxg2 18.e7 Bxf1 19.Kxf1 Bxe7 20.fxe7 Rdg8 Foi testado por Kramnik e as pretas se salvaram depois de alguns apertos.]

16…Qb5 [16…Qa6!? É um lance menos jogado mais também com veneno. ‘?’ ChessBase. 17.a3! b3 18.Nc3 Nb6 19.Qg4 Nxd5 20.Nxd5 Bxd5 21.Bxd5 Rxd5 22.Rfd1+-]

17.a3 Nb8!? Um lance que esteve muito em moda no começo dos anos 80 mas graças aos esforços do jovem Kasparov sumiu por um bom tempo. Esse lance foi tentado novamente no recém jogado mundial de Caldas Novas e acabou tirando o título do sub–18 da talentosa russa Alina Kashlinskaya. [17…exd5 É o lance mais jogado nos dias de hoje. 18.axb4 cxb4 19.Be3±]

18.axb4 cxb4 19.Qg4?! [19.Be3!? era o lance defendido pelo jovem Kasparov e que levou ele a 2 importantes vitórias no Campeonato Soviético de 1981 19…Bxd5 20.Bxd5 Rxd5 21.Qe2 Nc6 22.Rfc1 Na5 23.b3 c3 24.Nxc3 bxc3 25.Rxc3+ Kd7 26.Qc2 Bd6 27.Rc1 Qb7 28.b4 Qxb4 29.Rb1 Qg4 30.Bxa7 Be5 31.Rc5! Rxc5 32.Bxc5! Nc6 33.Qd3+ Kc8 34.Rd1 Nb8 35.Rc1 Qa4 36.Bd6+ Nc6 37.Bxe5 Rd8 38.Qb1! Rd5 39.Qb8+ Kd7 40.Qc7+ Ke8 41.Qxc6+ Qxc6 42.Rxc6 Rxe5 43.Rc8+ 1–0 Kasparov,G (2630)-Dorfman,J (2505)/Frunze 1981/URS-ch/[ChessBase](43.Rc8+ Kd7 44.Rf8) ; 19.Qd4!? Foi a escolha do atual n1 do mundo e trouxe boa vitória ás brancas. 19…Nc6 20.Nb6+ axb6 21.dxc6 Bxc6 22.Bxc6 Qxc6 23.Qg4 Bc5 24.Ra7 Rd7 25.Rxd7 Kxd7 26.h4 Kc7 27.h5 e5 28.h6 Bd4 29.Qe2 b3 30.Be3 Qd5 31.Rd1 Kc6 32.Qg4 b5 33.Bxd4 exd4 34.Rxd4 Qe5 35.Qd7+ Kc5 36.Qa7+ Kc6 37.Qd7+ Kc5 38.Rf4 Qxb2 39.Rf5+ Kb4 40.Qxb5+ Kc3 41.Rf3+ 1–0 Carlsen,M (2810)-Smeets,J (2657)/Wijk aan Zee NED 2010/The Week in Chess 793]

19…Bxd5 20.Bxd5 [20.Rfc1 Nc6 21.Bxd5 Rxd5 22.Qxc4?? Rd1+ A partida que decidiu o sub–18 em Caldas Novas terminou da mesma trágica maneira. 23.Kg2 Qxc4 24.Rxc4 Rxa1 0–1 Amirkhanov,R (2100)-Savchenko,S (2539)/ Alushta 1999/EXT 2000]

20…Rxd5 21.Bf4?!N Uma novidade sem muito brilho.A posição preta já é mais agradável.

21…Nc6 22.Rfc1 Rd4! A torre dá passagem pra dama que estará idealmente postada em d5.A posição branca é bastante delicada e difícil para se ter em uma partida rápida.

23.Qe2 [23.Qg5 Apesar de feio era uma alternativa para tentar frear o ataque das pretas.]

23…Qd5 24.Be3 Kb7!! O cavalo é imune!Agora as pretas estão prontas para o ataque decisivo.

25.Rd1 Rd3! Assim como no futebol,Fier sabe que é mais fácil fazer gol invadindo a área do adversário.

26.f4 Nd4!–+ No Botvinnik é assim,depois de 2 imprecisões as brancas estão perdidas.Fier até agora joga com a precisão do computador e a inspiração de um artista!

27.Bxd4 Qxd4+ 28.Kg2? Agora a posição é insustentável. [28.Kh1 seria uma defesa prática melhor. 28…Qd5+ 29.Qg2 Rxg3!! 30.Rxd5 Rxg2 31.Rd7+ Kc6 32.Kxg2 Kxd7 33.Rc1 Rh6–+ O final apresentaria dificuldades técnicas,mas as pretas devem ganhar com jogo preciso.]

28…Qd5+ 29.Kg1 Rxg3+! 30.hxg3 Rh1+ Aqui já era hora do francês pedir água!

31.Kf2 Rh2+ 32.Ke3 Bc5+ Incorporando a última peça no ataque!

33.Nxc5+ Qxc5+ 34.Kf3 Qh5+ E aqui o meu Fritz 12 aponta mate em 10.Uma partida perfeita em todos os aspectos!Escolha de abertura interessante,levando em consideração o estilo técnico do francês,criatividade e precisão conduzindo o ataque. Essa o bruxo de Riga onde quer que esteja assinaria! Que esse seja só o cartão de visita do Fier para um ano de muita mágica no tabuleiro! 0–1


5 comentários em “MF Álvaro Aranha comenta partida Bacrot x Fier

  • 14 de janeiro de 2012 a 22:52
    Permalink

    Dá-lhe, Fier! Joga muito e vai bater em muita gente ainda nessa turnê.

    Álvaro, sugiro colocar alguns diagramas com posições importantes durante tua análise para ajudar a visualização de quem está lendo a partida.

    Abraço!

    Responder
  • 19 de janeiro de 2012 a 12:35
    Permalink

    Excelente análise, tão artística quanto a partida. Parabéns Alvaro! Está aberta a temporada do Fier a caminho dos 2.700.

    Responder
  • 29 de janeiro de 2012 a 01:01
    Permalink

    Parabens…uma partida tatica estrategica magnifica,onde o frances deve ter pesadelos ate hoje…seus comentarios tambem estao dando um toque sul-real no game..

    Responder
  • 19 de fevereiro de 2012 a 03:30
    Permalink

    Ei Álvaro excelente partida e comentários, só um detalhe, no visualizador você colocou a variante que o Kasparov seguia e não a da partida, o que deixa impossível acompanhá-la corretamente, o que segue no visualizador é uma vitória do branco. Um abraço e espero ter colaborado.

    Responder
  • 1 de março de 2012 a 18:05
    Permalink

    Fier é para mim o melhor jogador brasileiro de xadrez disparado e tem tudo para conseguir muito mais… Dá-lhe Fier

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *