MI Perdomo comenta partida de Capablanca

Capablanca,José Raúl – Bashtirov [C54]

St Petersburgo, 1914

Visualizador de PartidasArquivo PGN

[Perdomo, Leandro]

Nascido em 19 de novembro de 1888 em Havana, José Raúl Capablanca y Graupera foi um dos maiores gênios que o mundo do xadrez já teve. Destacou-se desde criança pelo seu talento, inclusive afirmam que aos quatro anos teria aprendido as regras do jogo simplesmente observando seu pai jogar. Após anos de brilhantes vitórias, conquistou o título mundial em 1921 quando venceu o então campeão Emanuel Lasker, mas seis anos depois saiu derrotado por Alexander Alekhine em um match histórico de 34 partidas disputado em Buenos Aires. Mesmo após a perda do título, José Rául continuou jogando no alto nível e ganhando vários dos torneios mais importantes da época. Vejamos na continuação uma rápida e fantástica vitória deste inesquecível jogador:

1.e4 e5 2.Nf3 Nc6 3.Bc4 Bc5 4.c3 Nf6 5.d4 exd4 6.cxd4 Bb4+ Escolhendo a opção mais agressiva e popular da época, o branco sacrifica o peão central com o fim de ganhar tempos no desenvolvimento de peças.

7.Nc3 [Hoje em dia é mais comum encontrar a resposta 7.Bd2 Bxd2+ (7…Nxe4 8.Bxb4 Nxb4 9.Bxf7+ Kxf7 10.Qb3+ Kf8 11.Qxb4+ Qe7 12.Qxe7+ Kxe7= Wedgerd-Korman, Suécia 1978.) 8.Nbxd2 d5 Quebrando o centro branco (8…Nxe4 é uma outra alternativa que foi jogada por Robert Fischer, mas atualmente considera-se que depois de 9.d5! Nxd2 10.Qxd2 Ne7 11.d6 cxd6 12.Qxd6 as brancas conseguem uma forte compensação pelo peão entregue.) 9.exd5 Nxd5 10.Qb3 Nce7 11.0–0 0–0 12.Rfe1 c6= com jogo equilibrado.]

7…Nxe4 8.0–0 Bxc3 9.d5 [Ruim seria 9.bxc3 por causa de 9…d5 10.Bd3 0–0 e as brancas não possuem nada em troca pelo peão a menos.]

9…Bf6 10.Re1 Ne7 11.Rxe4 d6 12.Bg5 Bxg5 13.Nxg5 0–0 [As pretas também podem continuar com 13…h6 chegando em um jogo complexo depois de 14.Qe2! hxg5 15.Re1 Be6 16.Re3 Kf8 17.dxe6 f6 18.Rh3 Rxh3 19.gxh3 g6 20.Qf3 Kg7 21.Qxb7÷ como foi jogado na partida Videki-Pal Petran, Ajka 1991.]

14.Nxh7! Típico sacrifício para destruir o roque, agora a dama e torre brancas poderão atacar o rei adversário pela coluna h.

14…Kxh7 15.Qh5+ Kg8 16.Rh4 f6 [Preciso é 16…f5! bloqueando a diagonal b1–h7 que pode ser usada pelo bispo branco para criar ameaças contra o exposto rei preto. Uma possível continuação seria: 17.Qh7+ Kf7 18.Rh6 Rg8! (18…Bd7? 19.Be2 seguido de Bh5+ ganhando) 19.Re1 Qf8 deixando o caminho livre para o rei fugir e esconder-se em d8 20.Bb5! Rh8 21.Qxh8 gxh6 22.Qh7+ Kf6 23.Rxe7! Qxe7 24.Qxh6+ Ke5 25.Qe3+ Kf6 26.Qh6+ Kf7 27.Qh7+ Kf8 28.Qh8+ com empate por xeque perpétuo.]

17.Bd3 Justamente agora Capablanca aproveita a diagonal.

17…Re8?! [Novamente era necessário 17…f5 ]

18.Re1! f5 Agora é tarde demais, as forças brancas invadem o debilitado roque preto. [Depois de 18…Bd7? # o branco teria xeque-mate em só três lances 19.Qh8+ Kf7 20.Rxe7+! Qxe7 ou Rxe7 (20…Kxe7 21.Qxg7#) 21.Bg6+! Kxg6 22.Qh5#]

19.Re6! Bd7? [O erro final, perdendo rapidamente. Era forçado jogar para sobreviver 19…Bxe6 mesmo que depois de 20.dxe6 Ng6™ 21.Qh7+ Kf8 22.Qxg6 Qf6™ (22…Qxh4?? 23.Qf7#) 23.Qxf6+ gxf6 24.Bxf5 as brancas tenham vantagem graças ao forte peão e6 que deixa as peças adversárias na passividade. A iminente entrada da torre na sétima e o peão passado da coluna h criam dificílimos problemas as pretas, como podemos verificar nas possíveis continuações: 24…d5 (24…Kg8 25.Rg4+ Kh8 (25…Kf8 26.Rg6) 26.Rg6 Rf8 27.Rh6+ Kg8 28.Rh7) 25.Rh7 Rac8 (25…d4 26.h4 (26.Rxc7 Re7) 26…c5 (26…Rad8? 27.e7+ Rxe7 28.Rh8+; 26…d3? 27.Bxd3; 26…Kg8 27.Rxc7) 27.h5 c4 28.h6+-) 26.h4! (26.e7+ Kg8) 26…d4 27.h5 Kg8 28.Rd7 c5 (28…Rcd8 29.Bh7+! Kh8 (29…Kf8 30.Rf7#) 30.Rxd8 Rxd8 31.Bg6 seguido de e7 ganhando) 29.Bg6 (Também seria bom continuar avançando o peão passado 29.h6 ) 29…c4 (29…Rxe6? 30.Bf7+; 29…d3 30.Bxd3 Rcd8 31.Bc4+-; 29…Red8 30.Rxd8+ Rxd8 31.e7) 30.Bf7+ Kh8 (30…Kf8 31.h6) 31.Bxe8 Rxe8 32.e7 Kg7 33.Rxb7+-]

20.Rf6! Agora o xeque-mate é inevitável. Uma excelente partida tática do fantástico jogador cubano. 1–0

Contato

O MI Leandro Perdomo, vive em São Paulo, e está disponível para atividades enxadristicas, tais como aulas particulares ou em grupo, palestras, simultâneas e torneios. Contato: [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *